domingo, 5 de outubro de 2014

Gratitude is the heart's memory

«Acordou com uma sensação invulgar, como se pairasse um ambiente estranho no ar.» 
Hoje esta frase adquiriu novo sentido porque bem cedo pela manhã, cá em casa, reinava uma sensação invulgar de 1ª missão cumprida... ontem, na primeira apresentação do livro, muitos meninos e meninas, papás, mamãs, tias e até avós levaram para casa consigo O leão que perdeu a juba. E isso significa que poderão lê-lo e relê-lo, folheá-lo e apreciá-lo e, quem sabe, um dia mais tarde, quando mais precisarem, lembrarem-se da mensagem que ele transmite ... Por isso tudo e muito mais, só posso sentir-me grata! 
Namasté.

Sem comentários:

Enviar um comentário